Rua Luis Faccini, 155, 2º andar - Guarulhos - SP 11 2442-2020

O Bloco K do SPED Fiscal se aproxima, trazendo consigo desafios e controles para as empresas – Informativo 098

Gostou? compartilhe!

O Bloco K é o Livro de Registro de Controle da Produção e do Estoque (modelo 3), que apresenta e controla as movimentações de entradas, saídas e perdas de insumos, produtos do processo produtivo em um determinado período e os saldos em estoque.

As empresas deverão aperfeiçoar processos e controles de produção e estoques, de forma a atender o leiaute definido pelo fisco para atendimento do Bloco K, que será transmitido mensalmente no SPED Fiscal.

Através do Bloco K o governo receberá as informações relativas ao processo produtivo e movimentação completa de cada item constante no estoque, para isso as empresas deverão:

– Elaborar fichas técnicas de produção padronizada com o consumo dos materiais e perdas na produção de uma unidade de cada produto;
– Informar itens em andamento, produzidos e insumos consumidos no período;
– Prestar detalhes sobre industrialização em terceiros e insumos consumidos.

Dessa forma, o fisco terá informações do processo produtivo completo, fato que possibilitará o cruzamento dos dados eletronicamente pelo sistema SPED, que atualmente recebe dados contábeis e fiscais.

Atenção: A multa pelo não atendimento do Bloco K ou sua entrega incompleta pode chegar a 1% do valor total do estoque no período.

Prazos para envio do Bloco K:

Janeiro de 2017 – para as indústrias que faturam mais de R$ 300 milhões por ano;
Janeiro de 2018 – para as indústrias com faturamento anual superior a R$ 78 milhões;
Janeiro de 2019 – para as demais indústrias, equiparadas e comércio atacadista classificados nos grupos de CNAE 462 a 469.

Departamento Fiscal/Tributário – Leymar Assessoria Contábil



Gostou? compartilhe!