(11) 2442-2020 contato@leymar.com.br

Nesse período eleitoral surgem diversas dúvidas em relação ao serviço de mesário durante as eleições. Entre elas, a mais comentada é a respeito das folgas que cada empregado faz jus após ser convocado. Mas é preciso ficar atento nos demais benefícios.

O trabalho de mesário não é remunerado, recebe auxílio-alimentação, que será pago por meio de vale-postal. Após as eleições, ele deverá dirigir-se a qualquer agência dos Correios do território nacional para retirar, em dinheiro, o valor de R$ 25,00, deverá apresentar documento de identificação oficial com foto e o título eleitoral.

Para o pleito de 2016, o valor estará disponível para saque no período de 7 a 25 de outubro; em caso de segundo turno, o saque pode ser feito entre os dias 4 e 22 de novembro.

O mesário também tem direito a dois dias de folga em seu trabalho (público ou privado) para cada dia trabalhado nas eleições e 2 dias de folga para cada dia de treinamento. Ele tem, ainda, preferência no desempate em alguns concursos públicos. Os universitários cujas instituições de ensino superior tenham firmado convênio com o TRE-SP poderão ainda utilizar as horas trabalhadas nas eleições como atividade curricular complementar.

Quer saber mais, acesse o site do TER-SP e esclareça suas dúvidas: http://www.tre-sp.jus.br/imprensa/noticias-tre-sp/perguntas-e-respostas/mesario
Departamento Pessoal – Leymar Assessoria Contábil

Veja também

Área Fiscal / Tributária

Área Trabalhista e Previdenciária